Como Desenvolver Habilidades Sociais

Você deve saber, por estudos realizados ou vivência pessoal, que a maioria das pessoas tem grande dificuldade em se conectar com outras pessoas. Por esse motivo, resolvi trazer uma lista de atitudes abaixo que podem ajudar a construir uma liderança efetiva ou desenvolver habilidades relacionais começando por si mesmo, desde que, claro, seja colocada em prática!



Durante nossos Atendimentos Individuais no processo de coaching, orientamos cada pessoa a viver um exercício por semana, sugiro que você faça o mesmo.


  • Faça algo que você goste sozinho

Esse é um exercício da prática de apreciar a própria companhia observando suas reações individuais e decisões próprias de acordo a circunstância.

  • Observe as pessoas 

Está prática vai fazer com que você desenvolva uma habilidade especial de conexão e antecipação ao comportamento humano. Ao tomar consciência do estado emocional de outra pessoa, que só é possível quando se coloca presente propositadamente, é quase impossível não gerar empatia e colaboração em circunstâncias diversas. A prática de observar as reações cotidianas de outras pessoas, pode refletir as vezes, o nosso próprio comportamento, o que nos dá uma grande vantagem para antecipar os resultados em nossa própria vida. Já ouviu aquela frase: Ah, eu sei onde isso vai dar! 

  • Estimule para que falem delas

Pratique a escuta ativa. Apenas escutando atentamente o outro você poderá desenvolver a verdadeira empatia. E lembre-se: a melhor história da vida de alguém é a dela mesma.

  • Pratique elogios sinceros  

Exercite a validação de características ou ações de pessoas próximas ou desconhecidas sem esperar nada em troca com intenção positiva. Quando elogiamos alguém, sinceramente, ativamos a produção de uma substância chamada dopamina, que é responsável pela sensação de prazer e recompensa. Isso nos faz pensar o quanto as palavras tem poder, não é? Costumo chamar em meus treinamentos de “palavras de encantamento”.



  • Sorria 

O sorriso é sempre bem-vindo enquanto dura uma conversa ou ao dividir de um momento com alguém, mesmo que não a conheça. Ao sorrir ativamos um mecanismo que o cérebro responde com produção de substâncias neuroquímica relacionadas a sensação de prazer e bem-estar. Também quando o fazemos para outra pessoa, os chamados neurônios espelhos são acionados no outro promovendo empatia instantânea. Sabia que podemos treinar o riso? Diga em frente ao espelho a palavra “ótimo” de várias formas, exageradamente, invariavelmente acabará sorrindo, e estará instalando uma âncora para quando se aproximar de alguma pessoa e disser baixinho: ótimo! Trazer à memória do sorriso genuíno. 

  •  Estabeleça contato visual 


Olhar nos olhos durante uma conversa demonstra segurança e confiança. Cientistas também estudam uma substância conhecida como feniletilamina que tem correspondência direta com a conexão entre as pessoas. Olhar nos olhos estreita os relacionamentos e aprofunda a intimidade, não apenas nas relações afetivo amorosas mas também entre familiares como pais e filhos. Pratique procurando descobrir a cor dos olhos das pessoas que quem convive.

  •  Procure pontos em comum

Encontre assuntos em comum para que possam dialogar sobre. As pessoas gostam de pessoas semelhantes.

  •  Não fale de Problemas

Cada um de nós já temos responsabilidade suficiente para darmos conta e não precisamos de uma carga extra.




Se faz sentido, compartilhe o link deste post para aumentarmos ainda mais essa enorme corrente do bem! Nos vemos no próximo post.